uy

Muitos donos de animais de estimação se deparam com um dilema: castrar ou não castrar o bichinho?

O ato de castrar um animal representa um gesto de amor e de responsabilidade. Recomenda-se castrar o animal entre 6 meses a um ano de idade, pois isso reduz em cerca de 90% as chances de a fêmea desenvolver o câncer de mama e além disso garante uma maior facilidade de recuperação pós-cirúrgica. A castração traz benefícios inegáveis à saúde da fêmea, como a erradicação do risco de piometra (infecção do útero que atinge cerca de 60% das cadelas não castradas, doença grave que pode provocar a morte do animal e é comum também na idade avançada de gatas), além de garantir uma prevenção segura de ninhadas indesejadas.

Os cães machos castrados deixam de fugir tentando ir atrás de fêmeas no cio, têm menos necessidade de marcar território com urina, porém continuam guardiões da casa e da família. Além disso, previne totalmente a incidência de tumores testiculares, diminui consideravelmente o câncer de próstata, as hérnias perineais e a hipertrofia prostática, comum em machos idosos. Essas doenças frequentemente causam infecções e outros distúrbios urinários

A castração também aumenta a expectativa de vida de todos os animais, pois evita problemas de saúde como tumores de mama e do aparelho reprodutivo e piometra.

Onde castrar?

A Clínica Veterinária Univet possui profissionais e aparelhos de última geração para realizar o procedimento.

Existem vários tipos de anestésicos, entre o melhor deles é a anestesia inalatória – a mais segura e pode ser feita em animal cardíaco, idoso entre outros.

A castração é monitorada a todo tempo pelo veterinário, utilizando o Monitor Multiparâmetros que afere Oximetria de Pulso, Eletrocardiograma, pressão arterial não invasiva entre outros, o mesmo utilizado em UTI hospitalar de humanos. E na própria clínica é realizado um check-up pré-castração através da coleta de sangue, onde os exames ficam prontos em 15 minutos, para maior segurança do animal.

Castração: um gesto de amor!